ON-LINE AO VIVO

CURSO BÁSICO DE INSTRUMENTAÇÃO

 

A aplicação bem sucedida de instrumentos na área industrial necessita de uma correta especificação, para tanto é necessário o conhecimento dos processos industriais, das tecnologias que originaram e os princípios de operação dos elementos sensores / transdutores associados as técnicas de transmissão de sinais, controle de processos e os métodos de ajustes, assim como o sucesso operacional de uma planta com as atividades de manutenção, produção e gerenciamento, dependem da qualidade das informações obtidas dos seus processos no seu dia a dia.

 

O nosso curso foi desenvolvido para orientar os alunos no entendimento das características dos instrumentos e sistemas de controle de forma a estarem atualizados sobre os métodos modernos de medição de processos.

OBJETIVO

 

O curso Básico de Instrumentação da Dynamis Automação tem por objetivo oferecer treinamento em desenvolvimento profissional em instrumentação e controle de processos, preparando os profissionais com formação técnica para atuar no setor de projetos de instrumentação e automação industrial em função das atuais necessidades de implantação da Industria 4.0 e IIoT.

 

PÚBLICO ALVO

 

Direcionado a técnicos, projetistas, tecnólogos, engenheiros e profissionais da indústria que necessitem de uma formação em instrumentação e controle de processos.

 

RESULTADOS ESPERADOS

 

Ao final do curso os participantes devem ter adquirido conhecimento sobre: conceitos básicos, técnicas de medição, tecnologias utilizadas, normas e simbologias aplicadas em instrumentação e controle de processos, permitindo atuarem em departamentos técnicos, empresas de engenharia e nos demais segmentos industriais.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

1. Introdução à Instrumentação

1.1 Quantidades Mensuráveis

1.2 Instrumentação e Controle na Industria

1.3 Evolução do sistema de medidas

1.4 Tipos de Sinais

1.5 Sistemas Gerais de Medidas

1.6 Classificação de Instrumentos de Medição

1.7 Tipos de Sinal de Transmissão

1.8 Aspectos Gerais em Instrumentação

1.9 Estágio Atual da Tecnologia

1.10 Industria 4.0 e IIoT

2. Temperatura

2.1 Conceitos

2.2 Temperatura e Calor – Definições

2.3 Medidores de Temperatura

    2.3.1 Termômetros de Dilatação

    2.3.2 Sistemas Termoelétricos

    2.3.3 Termômetros bimetálicos

2.4 Efeitos Termoelétricos

2.5 Termopares

2.6 Termoresistências

2.7 Fios e Cabos para Termopares

2.8 Poços e Tubos de Proteção

2.9 Termômetros de Radiação

2.10 Medidores de Temperatura

3. Pressão

3.1 Conceito

3.2 Leis da física/princípios

3.3 Unidades

3.4 Técnicas de medição

3.5 Tipos de medidores/dispositivos

    3.5.1 Tipos de sensores

    3.5.2 Manômetros (líquido/elástico/padrão/acessórios)

    3.5.3 Transmissores (capacitivos/piezoelétricos/extensômetros)

3.5.4 Instrumentos para Alarme e Intertravamento Pressostatos

3.6 Especificações

    3.6.1 Graus de Proteção

3.7 Conversores de Sinais

3.8 Registradores, Controladores de Pressão

3.9 Principais Redes de Comunicação

4. Nível

4.1 Conceito

4.2 Leis

4.3 Medição direta

4.4 Medição indireta

4.5 Medição de nível descontínuo

4.6 Tipos de medidores

    4.6.1 Visor de nível

    4.6.2 Flutuador

    4.6.3 Borbulhador

    4.6.4 Deslocador

    4.6.5 Pressão diferencial

    4.6.6 Capacitivo

    4.6.7 Ultrassom

    4.6.8 Radioativo

4.7 Medição de nível de sólidos

    4.7.1 Extensomêtros

    4.7.2 Células de carga

4.8 Instrumentos (transmissor/chave)

5. Vazão

5.1 Conceito

5.2 Propriedades dos fluídos (líquidos / gases / vapor)

5.3 Características dos instrumentos de Medição

5.4 Medidores deprimogênios

5.5 Teoria

5.6 Placas de orifício

5.7 Bocais de vazão

5.8 Calhas

5.9 Vazão de rio

5.10 Tubos Venturi

5.11 Aerofólio

5.12 Tubo Pitot – 15 minutos

5.13 Medidores lineares

    5.13.1 Medidor de área variável

    5.13.2 Medidor de efeito Coriolis

    5.13.3 Medidor magnético

    5.13.4 Turbina

    5.13.5 Sônico

    5.13.6 Medidor térmico

    5.13.7 Medidor de vórtice

5.14 Medidores volumétricos

    5.14.1 Diafragma

    5.14.2 Disco de nutação

    5.14.3 Palhetas

    5.14.4 Deslocamento positivo

5.15 Pistão oscilante

5.16 Rotor

6. Analítica

6.1 Conceito

6.2 Sistemas de amostragem

6.3 Cromatografia

6.4 Densidade

6.5 Medição de pH

6.6 Medição de ORP

6.7 Medição de condutividade

6.8 Medição de oxigênio

6.9 Medição de Turbidez

6.10 Espectrometria de massa

6.11 Medição colorimétrica

7. Instrumentos complementares

7.1 Vibração

    7.1.1 Sensores de vibração

    7.1.2 Transdutores

    7.1.3 Medidores de frequência

    7.1.4 Excitadores de vibração

7.2 Detectores de chama

7.3 Detectores de gases

7.4 Detectores de fumaça e incêndio

7.5 Sensores de posição

7.6 Sensores de velocidade

8. Elementos finais de controle

8.1 Atuadores e posicionadores

8.2 Inversores de frequência

8.3 Válvulas de controle

8.4 Válvulas on / off

8.5 Válvulas de segurança

8.6 Dampers

9. Sistemas de Controle

9.1 Tipos de Malha

    9.1.1 Malha aberta / malha fechada

    9.1.2 Direta / indireta

    9.1.3 Liga – desliga

    9.1.4 Ação proporcional ( P )

    9.1.5 Ação integral ( I )

    9.1.6 Ação P+ I

    9.1.7 Ação Derivativa ( D )

    9.1.8 Ação P + I + D

9.2 Malhas de controle

    9.2.1 Realimentação

    9.2.2 Controle em Feedback

    9.2.3 Controle em cascata

    9.2.4 Controle razão ou proporção

    9.2.5 Controles aplicados em caldeiras

    9.2.6 Controle antecipatório

    9.2.7 Controle “Feed Forward”

    9.2.8 Controle “Split Range”

    9.2.9 Controle preferencial ou seletivo

    9.2.10 Controle “Override”

9.3 Controladores

     9.3.1 Analógicos, Digitais

     9.3.2 Sistemas de Controle

     9.3.3 Monitoração

     9.3.4 Intertravamento

     9.3.5 Alarmes

10. Simbologia

10.1 Normas ISA 5.1 2009; ABNT, Petrobrás

10.2 Simbologia Aplicada a Fluxogramas

10.3 Identificação por Função

10.4 Identificação por Malha

10.5 Vocabulário Internacional de Metrologia – VIM - 2012

METODOLOGIA

Recursos Adicionais:

  • Aulas on-line ao vivo (conforme programação abaixo),

  • Exercícios – Ao final de cada modulo.

  • Material didático:

  • Apostila ( * )

  • Durante o curso serão realizados dois fóruns de 1 horas/aula para esclarecimentos de dúvidas técnicas ( ** ).

 

Bibliografia auxiliar

  • Normas ABNT/ISA/Petrobrás (apresentação e indicação das normas disponíveis);

  • Leituras e referências sugeridas.

Encerramento do curso

  • Prova final;

  • Certificado digital em conformidade com o decreto 5.154 de 23 de julho 2004 liberado após a conclusão do curso pelo aluno.

 

CARGA HORÁRIA

40 Horas Aula

O curso Básico de Instrumentação ora proposto será de 40 horas/aula no sistema on-line ao vivo conforme programação a seguir:

Turma 1 

  • Dias 1, 2 e 3 de setembro (terça, quarta e quinta)

  • Dias 8, 9 e 10 de setembro (terça, quarta e quinta)

  • Dias 15, 16 e 17 de setembro (terça e quinta)

  • Dias 22, 23 e 24 de setembro (terça e quinta)

( ** ) Esclarecimentos de dúvidas técnicas

  • Dias 16 e 23 de setembro (quartas-feiras) das 19:00 às 20:00 horas.

Horário das aulas:

Primeira e segunda aula: 19:00 às 20:40 horas

Intervalo: 20:40 às 21:00 horas

Terceira e quarta aula 21:00 às 22:40 horas.

Turma 2

  • Dias 10, 11 e 12 de novembro (terça, quarta e quinta)

  • Dias 17, 18 e 19 de novembro (terça, quarta e quinta)

  • Dias 22 e 26 de novembro (terça e quinta)

  • Dias 01 e 03 de dezembro (terça e quinta)

 

(**) Esclarecimentos de dúvidas técnicas

 Dias 25 de novembro o e 02 de dezembro (quartas-feiras) das 14:00 às 15:00 horas.

 

Horário das aulas:

Primeira e segunda aula: 13:00 às 14:40 horas

Intervalo: 14:40 às 15:00 horas

Terceira e quarta aula 15:00 às 17: 0 horas.

 

NOTA: Para que possamos enviar a apostila (SEDEX) em tempo hábil solicitamos que as matrículas sejam confirmadas com até 10 dias antes do início do curso.  

PROFESSOR

Marcílio Antônio Viana Pongitori: Mestrando em Engenharia Mecânica - Unicamp, Engenheiro Químico -  graduado pela Universidade Mackenzie 1982, Extensão em Projetos de Instrumentação - Universidade Mackenzie 1983, Técnico Nuclear - IPEN 1976, formação em diversos cursos de Instrumentação e Automação, certificado em Safety Instrumented Systems Overview and Awareness pela KenexisTM, e cursos - IACS Cybersecurity Design & Implementation IC34  e – IACS Cybersecurity Operations & Maintenace IC37 pela ISA – Houston 2017. Experiência como técnico, engenheiro, gerente e diretor, trabalhando em projetos de automação de processos industriais em empresas de alta tecnologia. Atualmente desenvolve projetos de engenharia e consultoria em implementação de PDAI, SIL, SIS, Indústria 4.0 pela Dynamis Automação e Cursos Ltda. Realiza palestras, conferências e aulas sobre Instrumentação / Automação. É Membro Sênior na ISA – Internacional Society of Automation e realiza trabalho voluntário como Diretor de Treinamento da ISA Campinas Section.

 

INVESTIMENTO

Valor por aluno

Sob consulta, e-mail: treinamento@dynamiscursos.com.br

NOTAS:

  • Empresas que inscreverem mais de um aluno nos cursos Dynamis Cursos tem desconto de 10% para segundo aluno e 20% do terceiro aluno em diante.

  • O valor pago não será reembolsado no caso da não participação do aluno. Apenas, se esta ausência for comunicada com no mínimo 10 dias de antecedência da data de início do mesmo.

Dynamis Automação e Cursos Ltda.

Rua Uruguaiana, 1030 - Conj. 52, Bosque

Campinas - SP | CEP 13026-907